Gerenciamento de Projetos: Papo de adulto ou de criança?

Criança GerenteGerenciamento de Projetos é uma prática que está presente em boa parte das organizações e é realizada por muitos profissionais e executivos, mas, afinal, gerenciar projeto é uma tarefa apenas para os adultos?

Logicamente a resposta para essa pergunta é não. De criança à fase adulta nos envolvemos com projetos dos mais diversos tamanhos e complexidade (do Chá de Boneca à Construção do Trem Bala Rio-São Paulo), fato que nos leva a perceber que os conhecimentos de gestão de projetos podem ser aplicados em casa, na escola, na faculdade, na igreja, empresa, ou onde quer que exista um projeto, seja no âmbito pessoal ou profissional.

Já nos primeiros anos de escola nos deparamos com diversos desafios que nos levam a aprender e buscar soluções. Passamos a vida inteira criando em nossas cabeças projetos pessoais que normalmente não acontecem ou são realizados diferentemente da forma que foram planejados – 1º Ovo Frito, Batizado de Boneca, Festa de Aniversário, Projeto de Ciências, Feira da Cultura, Formatura, etc. Essa realidade tão presente nos faz refletir que os ensinamentos sobre projeto podem ser úteis ainda na infância.

Mas, então, por que não ensinar às crianças? De fato, as crianças podem (e devem) desde a fase escolar ter os primeiros contatos com as boas práticas de gerenciamento de projetos, por exemplo, noções de escopo, prazo, risco e qualidade. A escola tem papel fundamental na formação dos futuros profissionais e na preparação dos jovens para enfrentar os desafios da vida adulta, e constitui o espaço ideal para o incentivo dessa pratica, podendo construir nos alunos e educadores as competências necessárias para formular, planejar, executar e monitorar os seus projetos pessoais e escolares.

Felizmente, a aproximação dos mundos escolar e de projetos já acontece. É o que vemos em Portugal com o projeto “PMI Portugal nas Escolas”, realizado pelo PMI Chapter Portugal, com apoio da Fundação para a Educação do PMI – PMIEF e do PMI Chapter do Norte de Itália, que visa “disseminar as boas práticas e a linguagem da gestão de projetos nas escolas portuguesas, apoiando os professores na missão de educar”. No Brasil, o PMI Chapter São Paulo criou o projeto “Skills for Life” que tem por objetivo “capacitar profissionais que atuam em escolas públicas para apresentar os conceitos fundamentais do gerenciamento de projetos em uma linguagem simples e direcionada aos jovens”.

São iniciativas como essas que corroboram com o interesse do País de aproximar o conhecimento sobre projetos das crianças e adolescentes. Levar a informação para o âmbito escolar e desenvolver habilidades de gestão de projetos na preparação desses jovens pode melhor prepará-los para o mercado de trabalho, e, em especial, dar ao Brasil um diferencial competitivo importante no futuro.

Links de interesse:
PMI Education Foundation – http://pmief.org/
PMI Portugal nas Escolas – http://pmiescolas.azurewebsites.net/inicio.html
Skills for Life – http://pmisaopaulo.org/slideshow/1760-projeto-skills-for-life-capacita-outro-educador

Robertson Fiori, MBA

Sobre Robertson Fiori, MBA

Consultor de Projetos. Pós-Graduando em Gerenciamento de Projetos pela FGV Management. Bacharel em Relações Internacionais, com atuação em projetos de pequeno e médio portes em diversas áreas, especialmente em gestão pública, gestão de grandes eventos, atuação internacional de governos locais, elaboração e acompanhamento de projetos de cooperação técnica internacional.

Um comentário sobre “Gerenciamento de Projetos: Papo de adulto ou de criança?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>