Lean Six Sigma, com Clovis Bergamo

Lean Six Sigma
Lean Six Sigma

Hoje (depois de um bom tempo!), em nossa série Metodologias de Gerenciamento de Projetos, vamos entrevistar Clovis Bergamo Filho, autor do livro Uma Evolução Silenciosa no Gerenciamento das Empresas com Six Sigma (Editora Brasport) e presidente da Six Sigma Brasil.

Boa leitura!

Clovis, Lean e Six Sigma são duas metodologias diferentes, não? Quais os preceitos básicos de cada uma?

Sim, são porem esta claro no mercado a utilização de cada uma das metodologias, o Lean tem maios em foco revisar e enxugar os processos, desta forma é recomendado para empresas que ainda não fizeram nenhuma ação no processo de melhoria continua. Já Seis Sigma tem uma carga maior de estatística o que requer que a organização tenha indicadores e os processos bem definidos, pois desta forma se tem a oportunidade de medir e analisar com case em processos estatísticos para chegar ao melhor caminho a ser seguido, porem toda as metodologias são complementares e não excludentes.

E como surgiu essa fusão do Lean com o Six Sigma?

As empresas verificaram a necessidade de ter um meio mais direto para revisão e estruturação de seus processos. Desta forma se incorporou ao Six Sigma o Lean, gerando uma adequação as necessidades do mercado.

Os conceitos do Lean Six Sigma são exclusivos ou complementares aos do PMBoK?

Uma metodologia foca no processo e a outra na execução de uma iniciativa (Projeto) desta forma uma é a locomotiva e a outra os trilhos, ou seja são fundamentais e complementares para o atingimento da excelência operacional de uma organização.

Concordo, a boa gestão dos processos através do Lean Six Sigma e as melhores práticas de projetos ajudam muito a garantir o melhor resultado possível para as empresas.

 

Lean Six Sigma Brasil
Lean Six Sigma Brasil

Quais os pontos fortes do Lean Six Sigma?

Transformação da organização em uma gestão com base em dados.

E quais os fracos?

Requer uma determinação da liderança para sua implementação, pois é uma mudança de cultura e só ocorre com o apoio e patrocínio da liderança da empresa.

Existe algum tipo de projeto em que o Lean Six Sigma seja mais recomendado?

Entendo que todas as empresas são compostas de processo ou seja os processos são o DNA das empresas desta forma é aplicado a todas as organizações.

Quais as principais ferramentas e softwares usados em Lean Six Sigma?

Temos DMAIC, que é base da metodologia sendo que cada etapa contem um grupo de ferramentas que devem ser utilizadas conforme a necessidade o mais importante é focar no resultado do projeto temos que utilizar o que é necessário.

Em resumo, podemos entender então que o Lean Six Sigma é uma abordágem de melhoria de processos embasada por dados estatísticos que visa melhorar a produtividade da empresa (seja ela o que for)?

O Seis Sigma é totalmente fundamentado e base estática de analise do processo, já o Lean busca a revisão e analise do processo, com os dois conseguimos otimizar a produtividades.

A certificação em Lean Six Sigma funciona da mesma forma que a em Six Sigma, com vários Belts (faixas)? Quantas faixas são e qual a diferença em suas áreas de atuação/conhecimento?

Hoje temos o Green Belt, Black Belt e Master Black Belt, entendo que os profissionais deve iniciar o processo de sua jornada passo a passo, pois é necessário ele saber se é isso mesmo o que ele deseja para o seu futuro profissional e outro ponto importante que as certificações são um complemento da Capacitação do profissional que pode e deve desenvolver um carreira de gestor.

Qual a diferença do Black Belt para o Master BlackBelt?

Black Belt, é o profissional que gerencia projetos de eficiência com uma grande amplitude e dimensão nas organizações,já o Master Black Belt é o profissional que tem o foco de disseminar o conhecimento da metodologia na empresa.

E o Champion? Onde fica nisso tudo?

Champion e Sponsor, são os executivos patronos da implementação da metodologia e dos projetos na empresa, são fundamentais para o sucesso dos projetos.

Qual a agência que regula a certificação?

Temos a ASQ entidade Americana que tem a certificação mundial, porem hoje no Brasil são poucos os profissionais que fazem a certificação mundial. Tendo a certificação local dada pelas empresas disseminadoras dos treinamentos junto com as organizações em que o profissional desenvolveu o projeto de certificação.

Qual o processo para se obter cada certificação? Existem critérios de elegibilidade?

Para se Black Belt é necessário ser Green Belt, para Green não existe restrição.

Mas cada faixa exige a apresentação de um projeto para validação, não? Como funciona esse processo? Existem requisitos que os projetos apresentados devem atingir (além de serem desenvolvidos utilizando Lean Six Sigma)?

Cada empresa define o valor do resultado para a certificação que é composta da aplicação da metodologia mais o resultado financeiro que o projeto deve chegar para Green Belt temos uma faixa menor de resultado a ser alcançado e para BB temos um valor bem significativo pois são projetos estratégicos da empresa.

Nas certificações do PMI temos os PDUs, que são usados para recertificação. Como se faz para manter a certificação Lean Six Sigma?

Este processo não tem na certificação de Green Belt e Black Belt, acho que seria um grande oportunidade de ter este processo.

Sim, entendo. Então no momento, certificou “é pra vida toda”.

Como você vê o crescimento do uso do Lean Six Sigma no mundo?

Entendo que é o futura da administração moderna, baseada em evidencias e fatos.

Onde interessados no assunto podem conseguir material para estudo?

Hoje temos vários livros com este corpo de conhecimento em todas as livrarias

Sem falar do site da Six Sigma Brasil!

Clovis, gostaria de contar alguma situação onde o uso do Lean Six Sigma salvou um projeto ou poderia ter sido a solução?

Sim, tive um projeto no qual a filial Brasil. Estava com um grande dificuldade de demonstrar um modelo de negócios para a matriz e como sabia que o profissional da matriz era Green Belt, desenvolvemos um Swiming-Line do modelo de negócios do projeto, desta forma o entendimento Foi de imediato, este é o grande diferencial de todas as metodologias é criar um linguagem única para todos os envolvidos e gerando um fácil entendimento.

Obrigado pela entrevista Clovis, foi um prazer ter você aqui conosco no Papo GP, estou certo que os leitores aproveitaram muito!


Clovis Bérgamo Filho
Clovis Bergamo
Clovis Bergamo
Autor do livro Uma Evolução Silenciosa no Gerenciamento das Empresas com Six Sigma, é graduado em ciências econômicas com extensão em Análise de Sistema na Fundação Armando Álvares Penteado. Também é certificado como Green Belt. Trabalhou durante 20 anos na Xerox do Brasil utilizando a metodologia Lean Six Sigma. Foi coordenador e autor da solução do projeto de Supplier On Line da Xerox do Brasil e da implementação do ERP (inventário e configuração) na fábrica de Itatiaia da Xerox do Brasil. É Presidente do Portal de Conhecimento Six Sigma Brasil e Diretor Adjunto do Grupo de Usuários Six Sigma na Sucesu-SP.
Diego Nei, MBA, PMP®

Diego Nei, MBA, PMP®

Consultor em Gerenciamento de Projetos e Processos. Bacharel em Relações Internacionais, MBA em Gestão de Projetos, Certificado PMP, com domínio de MS Project 2007/2010. Atuação em projetos de porte pequeno e médio em diversas áreas, principalmente no desenvolvimento de treinamentos, implementação de metodologias e acompanhamento de projetos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *